#carreira #Maratona do Engajamento

Fale como um artista! - Dicas para você falar da sua arte

Dicas para você falar da sua arte

Giana
Publicado em
24 de setembro de 2020

A arte não é só mais uma tarefa que você precisa cumprir na sua rotina. É algo valioso a zelar e que diz muito sobre você. E, quem pode falar melhor que você sobre a sua arte? Chamar a atenção para o seu trabalho é extremamente importante para qualquer artista, pois não basta ter uma arte para compartilhar, e sim, o modo como você se apresenta para o público é que fará toda a diferença.

Conforme avança na sua carreira artística, você vai precisar desenvolver a confiança para falar e escrever sobre seus processos criativos e os seus projetos. Mostrar-se confiante, saber apresentar suas ideias e como sua arte expressa sua personalidade é a base da sua atividade e vai te ajudar em todas as áreas e etapas da sua carreira artística. Até mesmo o desenvolvimento do seu trabalho será melhor quando souber explicar para si mesmo o quê está fazendo.

“Quando começar a se sentir mais à vontade para escrever e falar sobre a sua prática artística, apresentando as ideias e os processos envolvidos, você se sentirá mais confiante para apresentar as suas ideias aos outros.”

Do livro, Tudo aquilo que você não aprendeu na escola de artes

Em tempos de redes sociais e portfólio disponível em qualquer lugar do mundo, você nunca sabe onde a sua arte pode chegar. Além de gerar interesse sobre o que você faz, em algum momento você vai precisar estudar mídias sociais e engajamento.

Você já parou para pensar no que quer que as pessoas lembrem em relação a você e ao seu trabalho? Essa é uma resposta que só você terá para si mesmo. Algumas dicas que podem te auxiliar nessa jornada:

  • Liste palavras-chave que são relevantes (e se achar necessário, tente formular frases)
  • Anote as percepções que envolvem seu trabalho
  • Seja objetivo!
  • Tenha o hábito de refletir sobre seus processos! (Anotar suas questões para voltar nelas depois pode ser algo muito muito muito valioso)
  • Perceba temas recorrentes, eles dizem muito sobre a sua identidade artística!
  • Você não precisa ter todas as respostas sobre sua arte
  • Lembre que ao escrever sobre seu trabalho, não importa o seu conceito de arte
  • Escrever sobre sua arte não é um texto publicitário, então evite palavras de autopromoção como fantástico e brilhante. Deixe seu público descobrir isso!
  • Tenha cuidado redobrado com o Português e/ou Inglês ou qualquer outra língua que você use para falar da sua arte. Revise sempre a pontuação e a gramática, evite palavras repetidas (Dicionários de sinônimos são muito úteis nesses casos)
  • Explore maneiras interessantes e diferentes das quais está habituado para descrever seu trabalho. Encontre uma boa história envolvendo a criação de uma arte!
  • Evite jargões artísticos para criar diálogos com uma comunidade artística mais ampla
    Bônus: Austin Kleon, autor bem conhecido por Roube como um Artista, também escreveu Mostre o seu trabalho!, onde traz dicas maravilhosas para artistas nas redes sociais.

1. Você não precisa ser um gênio

Ninguém precisa ser gênio, precisa “apenas” encontrar o seu habitat natural de criação, cheio de outros bichos criativos.

2 – Pense no processo e não no produto

O processo é tão interessante quanto o produto final. Um trecho de um artigo, uma ideia solta, o rascunho de um desenho, a preparação para uma foto, tudo isso já é conteúdo bacana e compartilhável.

3 – Compartilhe algo pequeno todos os dias

Nem todos os dias teremos um trabalho acabado para mostrar ao mundo. Mas sempre temos uma pequena informação ou um detalhe para compartilhar. É uma forma de manter o interesse sobre nosso trabalho.

4 – Abra seu armário de curiosidades

Quem é você além da sua arte?
O que você gosta? Que música você ouve? Quais são seus hobbies? Quem você admira? O que você está lendo agora? Por que não falamos sobre o que nos inspira? Por que não recomendamos o trabalho de alguém que está fazendo algo legal? É uma forma de tornar os compartilhamentos mais úteis e interessantes para todos os envolvidos.

5 – Conte boas histórias

Por trás do que produzimos, há sempre uma história. É uma forma de manter a sua audiência interessada no que você está produzindo.

6 – Ensine o que você sabe

Ensinar é uma maneira de mostrar o que você faz para o mundo. Estamos vivendo a era do compartilhamento.

7 – Não se torne um produtor de spam

Vamos compartilhar, mas com muito cuidado para não sermos chatos e inconvenientes.

8 – Aprenda a levar porrada

Não estamos falando de cyberbullying, claro, mas quem está expondo seu trabalho online, certamente vai ter que aprender a desviar das bobagens e seguir em frente.

9 – Venda-se

Dá para se vender, sem “se vender”. Não é preciso vender a alma ao diabo para se promover na internet. Tem o jeito certo de mostrar seu trabalho e não ser um chato.

10 – Permaneça

Você terá que ser persistente. Vai tomar seu tempo e sua energia. Não é uma tarefa fácil e dá trabalho. Mas, é possível conseguir bons resultados mostrando seu trabalho para o mundo de uma forma criativa e cativante.

A imagem em destaque nessa matéria é uma tirinha do ilustrador e cartunista brasileiro Alexandre Beck, da sua personagem de sucesso nacional, Armandinho! Não deixe de acompanhar as tirinhas do Armandinho no Facebook!

Link do post copiado para a sua área de transferência

Enviar Comentário

Como Desafios Diários de Desenho Ajudam Você a ter Mais Engajamento e Criar um Público na Internet?

Mesmo que você tenha acabado de começar a desenhar para valer, muito provavelmente já ouviu falar de Inktober, Mermay, ou Ler mais

Como anda sua relação com as redes sociais?

Relacionamento é uma via de mão dupla, onde as duas pessoas se envolvem dando e recebendo algo. Pelo menos é Ler mais

Como NÃO Explicar seu Trabalho para os Seus Pais

Um dilema que quase todos os artistas visuais passam pelo menos uma vez na vida! 1. Descobri que não preciso Ler mais

Como Posso Chamar a Atenção dos Outros para o meu Trabalho? (e para meu Crowdfunding)

“Essa é uma das perguntas que você deve se fazer sempre e para o resto da sua carreira artística”Rosalind Davis Ler mais